quarta-feira, 2 de novembro de 2011

O que é Ginástica Laboral e quais os seus benefícios?


Impossível falar em saúde no ambiente de trabalho sem mencionar a Ginástica Laboral.
Embora as primeiras manifestações de atividades físicas em empresas datem de mais de 100 anos, a Ginástica Laboral é um ramo relativamente novo para a maioria das empresas.




O que é?

A Ginástica Laboral analisa a importância da reeducação postural, alívio do estresse e método de Ginástica laboral no local de trabalho com finalidade de valorizar a prática das atividades física como instrumento de promoção de saúde e prevenção de lesões como LER (Lesões por Esforços Repetitivos) e DORT (Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho).



Trata-se de um conjunto de práticas elaboradas a partir da atividade profissional exercida. A técnica procura compensar as estruturas do corpo mais utilizadas durante o trabalho e ativar as que não são requeridas, relaxando e as tonificando.



O programa de ginástica laboral consiste em práticas diárias elaboradas a partir da atividade profissional exercida.

A ginástica laboral é programada para ser realizada no próprio posto de trabalho, sem com que haja a locomoção dos colaboradores para um outro espaço físico e interferência na produção. Hoje em dia a ginástica laboral também vem sendo aplicada como inserção educativa em palestras e eventos para que o participante se sinta preparado para receber e absorver informações que lhes são transmitidas.

Em empresas nos mais diversos portes e ramos de atividade, a ginástica laboral é realizada em setores administrativos e linha de produção com a própria roupa ou uniforme de trabalho, já que não provoca sudorese e cansaço físico excessivo, por ser de baixa intensidade.

São sessões de exercícios físicos educativos de alongamento, respiração, reeducação postural, controle corporal, percepção corporal, fortalecimento das estruturas não trabalhadas e compensação dos grupos musculares envolvidos nas tarefas operacionais, respeitando o limite fisiológico e vestimenta de cada colaborador.

A duração ideal das sessões variam de 10 a 15 minutos diários para se ter um resultado significante na musculatura ( flexibilidade e força ).



Histórico

Sobre a Ginástica Laboral a primeira notícia que se encontra é uma pequena brochura editada na POLÔNIA em 1925, onde foi chamada também de Ginástica de Pausa, era destinada a operários e alguns anos depois surgiu na Holanda e Rússia.

No início dos anos 60 surgiu também na Bulgária, Alemanha, Suécia e Bélgica. No Japão na década de 60 ocorreu a consolidação e a obrigatoriedade da G.L.C. - Ginástica Laboral Compensatória.

No Brasil o esforço pioneiro residiu numa proposta de exercícios baseados em análises biomecânicas.

Esta proposta foi estabelecida pela Escola de Educação de FEEVALE no ano de 1973, quando se elaborou o projeto de educação física compensatõria e recreação.

Justificativa

Apesar da inclusão de novos nomes na lista das doenças ocupacionais, divulgada pelo Ministério da Previdência e Ação Social, as principais moléstias responsáveis pelo afastamento precoce de pessoas do mercado de trabalho continuam sendo as LESÕES POR ESFORÇOS REPETITIVOS (LER) e a perda de audição.

O afastamento do trabalhador acometido por uma doença ocupacional de sua função traz perdas para a empresa e para o trabalhador. Segundo o coordenador de Benefícios por Incapacidade do Ministério da Previdência, Cézar Augusto de Oliveira, mesmo com o afastamento do funcionário, a empresa tem que recolher as contribuições sociais, além de providenciar outra pessoa para ocupar o cargo do afastado. Se o trabalhador resolve processar a empresa, os custos podem ser ainda maiores. Já o trabalhador afastado pode perder vantagens que uma pessoa que está na ativa, como promoções e aumento de salário.

Para evitar problemas como esses, o médico do trabalho Ruddy Facci, do Paraná, recomenda a prevenção. Ginástica, pausas no trabalho e mobiliários ergonômicos são programas que se adotados reduzem em 100% as chances de se contrair uma doença ocupacional.

Diagnóstico

O trabalho excessivo, postura inadequada, repetições constantes do mesmo movimento e condições crítica de materiais, equipamentos e instalações da empresa, desencadeiam grandes tensões no corpo, que originam grandes males que são responsáveis pelo afastamento ou até invalidez permanente do profissional.

Diagnosticados estes fatos como : LER (Lesões por Esforços Repetitivos), nome dado pelos especialistas´à sintomas que acometem tendões, músculos, nervos, ligamentos e outras estruturas responsáveis pelos movimentos dos membros superiores, das costas, região do pescoço, ombros e membros inferiores. atualmente denominada DORT (Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho), ambas as siglas representam as mesmas patologias que são causa de despesas médico-ocupacionais nas empresas. Do ponto de vista psicológico, na Educação Física (uma atividade repetitiva e igual por muito tempo, como um trabalho industrial). cessa a chegada de estímulos ao cérebro pelo cansaço das vias respiratórias. A conseqüência é a falta de atenção, caminho direto para o acidente de trabalho e a baixa produtividade.

Avaliação

Visando uma melhora da qualidade de vida dos funcionários são realizadas as seguintes avaliações antes da prática das atividades de Ginástica Laboral, desta maneira pode-se levantar o perfil dos funcionários, sendo que cada funcionário recebe seu resultado das avaliações e a empresa recebe a avaliação individual e total dos funcionários

Peso (em cm)

 Altura (em kg)

 IMC (Índice de Massa Corpórea)

Pressão arterial

Flexibilidade

Postural (através de fotografias)

Percentual de Gordura (através do adipômetro)

Após 03 meses serão realizadas nova bateria de avaliação com o intuito de ver a evolução do programa.



Programa

Sabemos que as capacidades físicas e mentais de qualquer pessoas devem estar equilibradas para que ela possa desenvolver-se em todos os sentidos com atenção, agilidade e urgência qualidade, trabalho em equipe, produção, satisfação de clientes e motivação. Partindo de todos estes princípios, a atividades da Ginástica Laboral, são apropriadas aos trabalhadores brasileiros com a duração de 05 a 15 minutos diários ou três vezes na semana, que tem como objetivo prevenir a LER/DORT, visando melhorar o dia a dia do funcionário, diminuir os efeitos do estresse e lesões cumulativas no ambiente de trabalho.

Para envolver todos os grupos musculares do corpo, o programa de Ginástica Laboral pode ser desenvolvido em três fases:

Preparatória

Ginástica com duração de 10 à 20 minutos (o tempo utilizado depende da proposta com a Empresa) realizada antes do início da jornada de trabalho. Tem como objetivo principal preparar o funcionário para sua tarefa aquecendo os grupos musculares que irão ser solicitados nas suas tarefas e despertando-os para que se sintam mais dispostos ao iniciar o trabalho. aumenta a circulação sangüínea à nível muscular melhorando a oxigenação dos músculos

Compensatória

Ginástica com duração de 10 à 20 minutos (o tempo utilizado depende da proposta com a Empresa), realizada durante a jornada de trabalho, interrompendo a monotonia operacional aproveitando pausas para executar exercícios específicos de compensação aos esforços repetitivos, e as posturas inadequadas nos postos operacionais.

Relaxamento

Ginástica com duração de 10 à 20 minutos (o tempo utilizado depende da proposta com a Empresa), ginástica baseada em exercícios de alongamento realizada após o expediente, com o objetivo de oxigenar as estruturas musculares envolvidas na tarefa diária, evitando o acúmulo de ácido lático prevenindo as possíveis instalações de lesões.

Junto a estas atividades são realizadas semanalmente distribuição de panfletos contendo orientação alimentar

A Ginástica Laboral começou a ser compreendida como um grande instrumento na melhoria da saúde física do trabalhador, reduzindo e prevenindo problemas ocupacionais, através de exercícios específicos que são realizados no próprio local de trabalho.

A Ginástica Laboral não sobrecarrega nem cansa o funcionário, porque é leve e de curta duração.

O objetivo da Ginástica Laboral é promover adaptações fisiológicas, físicas e psíquicas, por meio de exercícios dirigidos que:


Trabalham a reeducação postural,

Aliviam o estresse,

Diminuam o sedentarismo;

Aumentam o ânimo para o trabalho;

Promovam a saúde e uma maior consciência corporal;

Aumentam a integração social;

Melhoram o desempenho profissional;

Diminuam as tensões acumuladas no trabalho;

Previnam lesões e doenças por traumas cumulativos, como as LER (Lesões por Esforços Repetitivos) e os DORT (Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho).

Diminuam a fadiga visual, corporal e mental por meio das pausas para os exercícios.


Dentre as lesões mais freqüentes podemos citar:


Na coluna cervical: síndrome da tensão cervical e síndrome do desfiladeiro torácico;

No ombro: tenossinovite do bíceps e tendinite do músculo supra-espinhoso;

No cúbito (cotovelo): epicondilites;

No punho: tenossinovite dos flexores do punho e dedos, tenossinovite dos extensores do carpo e dedos, tendinite de Dequervain e síndrome do túnel do carpo;

Na mão: fascite palmar e miosite dos lumbricais.

Outros problemas na coluna como: hipercifose torácica, hiperlordose, escoliose, entre outros.

Encurtamentos musculares.

Para as empresas, a incorporação da Ginástica Laboral pode trazer muitos benefícios como:


Redução de faltas dos funcionários;

Aumento da produtividade;

Redução de quedas;

Maior integração da equipe etc.


Abaixo fotos da Profa Elisandria Mesquita (SESI-CE) com colaboradores da empresa RIHOMO-CE durante aulas de Ginástica Laboral.




                        Professora de educação física,Elisandria Mesquita ,com seus alunos de Ginástica Laboral 
                                                                       (colaboradores da Empresa  SERPRO-CE)



Professora de educação física,Elisandria Mesquita (Instrutora do SESI-Ce) ,com seus alunos de Ginástica Laboral (colaboradores do SESI-Albano Franco-CE)




Professora de educação física,Elisandria Mesquita (Instrutora do SESI-Ce) ,com seus alunos de Ginástica Laboral (colaboradores da empresa COBAP-CE)



Professora de educação física,Elisandria Mesquita (Instrutora do SESI-Ce) ,com seus alunos de Ginástica Laboral (Colaboradores da Empresa BERACA). 








Como dissemos,a Ginástica Laboral é a atividade física orientada e praticada durante o horário do expediente, visando benefícios pessoais no trabalho.
Tem como objetivo minimizar os impactos negativos oriundos do sedentarismo na vida e na saúde do trabalhador.

ginástica Laboral traz grandes benefícios para as empresas, motivo pelo qual essa atividade física é estimulada e implementada por diversas organizações.

Profª Elisandria Mesquita com a ProfªValquíria de Lima (Autora do livro Ginástica Laboral – Atividade Física no Ambiente de Trabalho-PHORTE Editora, atualmente na terceira edição-no CONAFF-2012)

Os impactos negativos do trabalho podem ocorrer em diversas esferas, tais como problemas físicos, psicológicos ou sociais.

Mais diretamente, a prática de exercícios físicos gera benefícios físicos para o trabalhador. 

Os benefícios psicológicos (estresse, poder de concentração) ou sociais (espírito de equipe, confiança) também são bastante citados em estudos diversos.


Benefícios para a empresa:
Diminuir os problemas de saúde no trabalhador é sinônimo de aumento de produtividade na empresa.

Essa afirmativa se verifica de diversas formas, mas os principais pontos notados são a diminuição na ocorrência de faltas ao trabalho por motivos médicos e também a diminuição dos acidentes de trabalho.

Portanto, se por um lado o fator de sofrimento humano é significativamente reduzido, por outro lado a empresa é beneficiada ao promover programas orientados de Ginástica Laboral.

Há estatísticas citando um retorno de 3 a 5 vezes sobre a verba aplicada por uma empresa em um programa de ginástica e hábitos de saúde, considerando faltas, encargos sociais e outros fatores relacionados à saúde, afetando a produtividade da empresa.

Benefícios físicos para o trabalhador:
Os benefícios dependem diretamente do tipo de trabalho realizado. A maioria dos exercícios tenta diminuir o efeito da solicitação constante a que é submetido um trabalhador ao executar determinada tarefa, seja ela uma tarefa física ou não.

Desse modo trabalhadores que utilizam de seus músculos para manejar instrumentos, ferramentas ou produtos podem ser beneficiados por um programa de atividades para trabalhadores braçais. Por exemplo, trabalhadores em uma linha de montagem de uma fábrica necessitam de exercícios específicos para os grupos musculares utilizados para que não ocorra lesão muscular por superutilização, similar, por exemplo, à lesão de um atleta ao final de uma competição extrema. Afinal, a jornada de trabalho pode durar até mais de 10 horas, às vezes...

Por outro lado, trabalhadores administrativos como digitadores, secretárias, atendentes, etc. são acometidos de problemas posturais, musculares ou visuais. Assim, um bom programa de atividades para trabalhadores administrativos ajudará a diminuir lesões por tais fatores.


Exemplos de atividades para trabalhadores braçais:
Os problemas vividos por este grupo de trabalhadores podem estar relacionados com a intensidade da força que exercem, ou ainda com a posição em que são obrigados a trabalhar. Em ambos os casos, um Professor de Educação Física pode avaliar as solicitações físicas e
prescrever atividades para compensá-las. Por exemplo, trabalhadores que são obrigados a suportar o peso de uma peça com um braço enquanto apertam um parafuso com a outra mão devem executar atividades que aliviem periodicamente as tensões envolvidas sob o risco de aparecerem lesões musculares ou posturais.


Exemplos de atividades para trabalhadores administrativos:
Independentemente da atividade exercida, esses trabalhadores têm alguns fatores em comum: trabalham sem se movimentar (parados ou em pé) por muito tempo, muitas vezes submetidos a cobranças e estresse. Exemplos de problemas decorrentes de tal ambiente são: problemas de postura, tendinites, pressão alta, etc.

Algumas funções podem ter ainda outros agravantes, como digitadores ou programadores, que utilizam demasiadamente determinados músculos do braço e mão para trabalhar.


Em primeiro lugar, é recomendável parar por alguns minutos pelo menos a cada duas horas de trabalho e executar alguns alongamentos para grandes grupos musculares como ombros, tronco e pernas. Isso combate a má postura e evita formigamentos por problemas circulatórios.

Movimentos como elevação do ombro, sua projeção para frente e para trás ajudam. Para o pescoço, flexione-o para frente e para trás, também de um lado para o outro e por fim um grande movimento circular da cabeça (circundução).

Para o tronco, espreguice-se (flexão para trás), dobre-se (flexão para frente) e incline-se flexionando lateralmente. Faça os movimentos gentil e lentamente.

Em relação às pernas, utilize as escadas sempre que se locomover por alguns andares, promovendo uma melhor circulação. Além dos benefícios cardiovasculares, promovidos até mesmo em pequenas distâncias, você estará aumentando seu gasto calórico, importante fator na manutenção da saúde.

Para funções específicas há exercícios específicos. Se você trabalha ou passa muito tempo diante de um computador, por exemplo, deve realizar uma pausa periódica para olhar e focalizar objetos distantes, aliviando a visão. Também deve realizar exercícios de alongamento para as mãos e antebraços, evitando sobrecarga por digitação ou utilização do mouse:

Estenda o braço à frente, deixando a mão relaxadamente caída para baixo. Com a outra mão, puxe gentilmente os dedos para baixo na direção do seu quadril, com as costas da mão voltadas para a tela do computador, por 20 a 30 segundos, para alongar a musculatura posterior de seu antebraço.

Puxe a mão relaxada agora para cima, em direção à sua cabeça e com a palma da mão voltada para a tela do computador, para alongar a musculatura anterior da mão e antebraço. Repita, realizando os mesmos exercícios para o outro braço.





As aulas duram de 10 a 15 minutos e podem ocorrer antes, durante ou depois do início do trabalho. Entre os principais benefícios estão o aumento da motivação, da integração e da disposição dos funcionários e a redução do risco de lesões, acidentes de trabalho e da tensão.

A Ginástica Laboral reduz os riscos de acidente de trabalho (o nível de atenção é 80% mais alto após a prática da atividade física) e das doenças de trabalho, responsáveis no Brasil por gastos anuais de aproximadamente R$ 89 mihões. Cerca de 60% das doenças do trabalho que causam afastamento por mais de 15 dias são relacionadas à Lesão por Esforço Repetitivo (LER), reflexo das atividades que exigem movimentos de um só tipo ou pouco variáveis, repetitivos, rápidos e que forcem determinada parte do corpo.




O objetivo da Ginástica Laboral é realizar exercícios que: 

- Trabalhem a reeducação postural,
- Aliviem o estresse,
- Diminuam o sedentarismo;
- Aumentem o ânimo para o trabalho;
- Promovam a saúde e uma maior consciência corporal;
- Aumentem a integração social;
- Melhoram o desempenho profissional;
- Diminuam as tensões acumuladas no trabalho;
- Previnam lesões e doenças por traumas cumulativos, como as LER (Lesões por Esforços Repetitivos) e os DORT (Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho).
- Diminuam a fadiga visual, corporal e mental por meio das pausas para os exercícios.

Dentre as lesões mais freqüentes podemos citar:

- Na coluna cervical: síndrome da tensão cervical e síndrome do desfiladeiro torácico;
- No ombro: tenossinovite do bíceps e tendinite do músculo supra-espinhoso;
- No cúbito (cotovelo): epicondilites;
- No punho: tenossinovite dos flexores do punho e dedos, tenossinovite dos extensores do carpo e dedos, tendinite de Dequervain e síndrome do túnel do carpo;
- Na mão: fascite palmar e miosite dos lumbricais.
- Outros problemas na coluna como: hipercifose torácica, hiperlordose, escoliose, entre outros.
- Encurtamentos musculares.

Para as empresas, a incorporação da Ginástica Laboral pode trazer muitos benefícios como:

- Redução de faltas dos funcionários;
- Aumento da produtividade;
- Redução de quedas;
- Maior integração da equipe etc.

Importante;
Incentivo Fiscal para Empresas com GL


Através da Lei do Desporto n° 11.438, que depois foi atualizada pela Lei n° 11.472, o Governo oferece incentivos fiscais para empresas e pessoas físicas. Pessoas jurídicas podem deduzir até 1% do imposto de renda e pessoas físicas até 6%.


Art. 1°: A partir do ano-calendário de 2007 e até o ano-calendário de 2015, inclusive, poderão ser deduzidos do imposto de renda devido, apurado na Declaração de Ajuste Anual pelas pessoas físicas ou em cada período de apuração, trimestral ou anual, pela pessoa jurídica tributada com base no lucro real os valores despendidos a título de patrocínio ou doação, no apoio direto a projetos desportivos e paradesportivos previamente aprovados pelo Ministério do Esporte.

Essa é uma excelente iniciativa do Governo que vêm demonstrando grande interesse em incentivar a Responsabilidade Social dentro das empresas. 

Quando as empresas investem na Qualidade de Vida de seus funcionários ela está investindo nos cidadãos brasileiros.


Estudos mostram que há relação entre a participação de empregados em programas de atividades físicas na empresa e a redução de faltas ao trabalho, aumento de produtividade, diminuição de custos com a saúde e retenção de funcionários. (Tsai, 1987)

Capacidade de atenção

Estudo na Bélgica, já em 1966, mostrou que a capacidade de atenção depois de um tempo de atividades físicas melhorou em 80,5%, enquanto que depois de um tempo de repouso esta melhora foi apenas de 30,5%. (FIEP – Portugal, 1966)

Bancários

Estudo com população bancária de São Paulo, com 3.240 funcionários, mostra que 13,3% são suspeitos, de possuir a doença e 8,2% já tem diagnóstico anterior. Como se observa 21,5%, ou seja, 696 funcionários apresentavam conotações clínicas de L.E.R. (Prof. Dr. Herval Pina Ribeiro – Fac. De Saúde Pública da USP)



Construção Civil 1

Dados de uma pesquisa realizada na França em 1970, no ramo de construção e obras públicas apresentou os seguintes números:

a) 30% de todos os casos de acidentes de trabalho na França se produzem nas empresas de construção e obras públicas;

b) local da lesões - mãos e membros superiores (31%), pés e membros inferiores (26%), cabeça e tórax (18%). (P. Andlauer, 1980).


Construção Civil 2

Estudo realizado em 1987 pelo Centro Brasileiro de Ergonomia e Cibernética do Instituto Superior de Estudos e Pesquisas Psicossociais da Fundação Getúlio Vargas, obteve os seguintes resultados relativos aos acidentes de trabalho na construção civil no município do Rio de Janeiro:



a) profissão - em termos absolutos destacam-se os serventes;

b) idade - proporcionalmente os mais jovens sofrem mais acidentes;

c) localização da lesão - membros inf. (41,8%) e membros sup. (31,0%);

d) objeto causador

solo (14,6%), madeira (19,1%), peso/postura (7,2%);atividades - transportar material (22,2%), deslocamento de pessoa (15,2%), lançar material (4,9%), formar e desformar (12,7%)



Dores nas costas

São a segunda causa de aposentadoria por invalidez no país, e obrigam empregados a faltar 60 dias por ano ao trabalho. Em países onde há uma preocupação maior com programas de saúde, esse número cai para 28 dias. (Folha de São Paulo, 1991)

Lazer

Pesquisa realizada pelo Inst. de Pesquisas Soc. Políticas e Econômicas em 1.997, apresentou os seguintes dados: 20% dos homens e 8% das mulheres (média de 14%), preferem o esporte em seu horário de lazer; 12% a 15% respectivamente ( média de 13,5%), escolhem a praia; 9% gostam de viajar, 8% jogar futebol, enquanto 8% preferem assistir TV.

Esses dados mostram a mudança de hábitos de nossa população, principalmente neste final de milênio, onde os aspectos de saúde e qualidade de vida estão sendo bastante veiculados e a prática de esportes faz parte do dia a dia de muitas pessoas.

Empresas que usam a Ginástica Laboral

Adesão de Empresas

Segundo dados americanos da Assoc. Nac. de Serviços e Recreação para Empregados (NESRA - 1998), 72% das empresas americanas associadas, ofereciam atividades físicas aos seus funcionários.

BOSCH DO BRASIL

A Bosch do Brasil, na cidade Industrial de Curitiba (CIC), é uma empresa onde a incidência de doenças ocupacionais é pequena. A empresa adotou a Ginástica Laboral para os funcionários e atende a 50 pessoas do setor de fábrica e mais de 30 da área administrativa. A ginástica, praticada durante 10 minutos por dia, é diferente para cada grupo. Para o setor administrativo, em que as pessoas trabalham mais com informática, por exemplo, é trabalhada a prevenção para LER. Já no de fábrica, onde os trabalhadores usam a força braçal, são feitos, principalmente, exercícios de alongamento. A empresa está concluindo seu estudo de viabilidade para poder estender o exercício para os 3.240 funcionários restantes.

3 M

Criou há um programa de ginástica para digitadores e de educação física antes do expediente para os operários, diminuindo o número de acidentes e aumentando a sensação de bem estar.

Grupo Pão de Açúcar

Possui academia de ginástica e quadra de squash na sede adminstrativa em SP e projeto experimental de ginástica laboral em 08 unidades. Este projeto surgiu ha quatro anos por determinação do presidente do Grupo Pão de Açúcar, Abílio Diniz. Foi feita pesquisa entre os funcionários para detectar o que precisavam para viver melhor. A maioria tinha vontade de estudar e cuidar mais da saúde.

Empresa São Geraldo

Possui mini-academias espalhadas por 20 estados. Antes de começar a malhar, os motoristas passam por avaliação física. Surgiu em 1998, impressionado com os benefícios que os exercícios físicos trouxeram para sua saúde, o diretor de operações e marketing José Ribeiro resolveu matricular um grupo de motoristas de BH na academia. Os resultados foram tão bons que o projeto foi expandido para toda a empresa.

Em um ano, acidentes de trãnsito evitáveis caíram 40%. Percentual de motoristas que estavam acima do peso caiu de 40% para 10%.

Pfizer

Possui na fãbrica de Gurarulhos (Grande SP) que oferece aeróbica, musculação, dança de salão, caminhadas e ginástica monitoradas por professores de educação física. Escritório na capital, tem academia de ginástica.

Surgiu em 1998, com funcionários preocupados com sobrepeso começaram a caminhar dentro da fábrica durante o almoço. Em pouco tempo, havia 50 pessoas fazendo exercícios espontaneamente. Pediram à empresa para contratar professor para orientar as atividades, que passaram a ser realizadas nos clubve anexo à fábrica.

Xerox do Brasil

Possui salas de ginástica e musculação na matriz em quatro escritórios (Curitiba, SP, RJ e Brasília) e três fábricas (RJ, Salvador e Manaus). Funcionários

ASC Call Center

Possui sala de ginástica que funciona 24 horas, bosque e pista de caminhada, praça arborizada para a realização de ginástica laboral e equipamentos de automassagem. Desde a criação da empresa, a ASC dá ênfase a projetos de melhoria da qualidade de vida dos funcionários. A empresa foi construída em uma fazenda, com sala de ginástica e praça arborizada no interior do prédio. 70% dos funcionários participam pelo menos uma vez ao dia da ginástica laboral.

Merc Sharp& Dohme

Possui academia de ginástica na sede, em São Paulo, e caminhadas ecológicas. Desenvolver atividades de fitness para promover a saúde e o bem-estar dos funcionários é uma orientação da matriz da Merck, nos EUA.





Importante


Os Profissionais atuantes nas sessões de Ginastica Laboral:

O profissional apto a ministrar exercícios físicos é o Educador Físico.
Este profissional é quem conhece as funções do corpo pelo estudo da Anatomia, Fisiologia e Cinesiologia , o que se deve fazer ou não para o colaborador não se lesionar na prática da ginástica laboral, além de possuir conhecimentos profundos de Didática e Metodologia da Ensino ( o que vai proporcionar uma prática diária bem conduzida, prazerosa, motivante e com muita criatividade ).

Não é correto o trabalho por meio de Multiplicadores ( agentes facilitadores de exercícios), onde é realizado um treinamento de exercícios físicos com um grupo de colaboradores e os mesmos ficam responsáveis em passar os exercícios aprendidos para todos os outros colaboradores da empresa.

Nesta questão destaco 2 pontos negativos para o programa de Ginástica Laboral não dar certo: 

1. O profissional não é apto para ministrar este tipo de atividade pois não possui conhecimentos da área de Anatomia, Fisiologia, Cinesiologia e Didática, podendo gerar lesões na musculatura dos colaboradores pela prática inadequada;

2. Por não possuir a formação em Educação Física, isto pode ser decretado como desvio de funções, gerando para empresa problemas na área trabalhista.
Devido à importância da implantação da Ginástica Laboral nas empresas e o prazer que eu tenho em ministra-la,resolvi postar esta matéria e espero que seja útil as informações contidas nela.


Resumindo

A Ginástica Laboral começou a ser compreendida como um grande instrumento na melhoria da saúde física do trabalhador, reduzindo e prevenindo problemas ocupacionais, através de exercícios específicos que são realizados no próprio local de trabalho.

A Ginástica Laboral não sobrecarrega nem cansa o funcionário, porque é leve e de curta duração.

O objetivo da Ginástica Laboral é promover adaptações fisiológicas, físicas e psíquicas, por meio de exercícios dirigidos que:


Trabalham a reeducação postural,




Aliviam o estresse,




Diminuam o sedentarismo;




Aumentam o ânimo para o trabalho;




Promovam a saúde e uma maior consciência corporal;




Aumentam a integração social;




Melhoram o desempenho profissional;




Diminuam as tensões acumuladas no trabalho;




Previnam lesões e doenças por traumas cumulativos, como as LER (Lesões por Esforços Repetitivos) e os DORT (Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho).




Diminuam a fadiga visual, corporal e mental por meio das pausas para os exercícios.



Dentre as lesões mais freqüentes podemos citar:


Na coluna cervical: síndrome da tensão cervical e síndrome do desfiladeiro torácico;




No ombro: tenossinovite do bíceps e tendinite do músculo supra-espinhoso;




No cúbito (cotovelo): epicondilites;




No punho: tenossinovite dos flexores do punho e dedos, tenossinovite dos extensores do carpo e dedos, tendinite de Dequervain e síndrome do túnel do carpo;




Na mão: fascite palmar e miosite dos lumbricais.




Outros problemas na coluna como: hipercifose torácica, hiperlordose, escoliose, entre outros.




Encurtamentos musculares.



Para as empresas, a incorporação da Ginástica Laboral pode trazer muitos benefícios como:


Redução de faltas dos funcionários;




Aumento da produtividade;




Redução de quedas;




Maior integração da equipe etc.



É importância a implantação da Ginástica Laboral nas empresas para que o trabalhador tenha uma qualidade de vida melhor.
Pergunte a um Professor de Educação Física (um personal trainer,instrutor na  academia, ou na escola de seu filho) sobre quais as atividades mais importantes que você pode realizar em seu ambiente de trabalho.




Os profissionais estão sempre dispostos a ajudá-lo a ter uma vida mais saudável.



Contatos para;

  • Personal Trainner
  • Treinadora para concursos
  • Exercícios físicos para pessoas da 3ª idade (melhor idade)
  • Ginástica Laboral em sua empresa (ligue e peça um orçamento)
  • Grupos de corrida,caminhada e exercícios físicos em seu condomínio
  • Assessoria Esportiva L`EQUIPE (Fortaleza-Ce)
  • Massoterapia (massagem relaxante e desportiva-Pa-Kua -Cocó-Fortaleza-Ce)

Profª Elisandria Mesquita (CREF-004635-G/Ce)
E-mail:(elisandria@hotmail.com)
Cel: 85.99496299/85.87157060/ (oi) 85.99504224 (tim) atuando em Fortaleza-Ce
Facebook/http://www.facebook.com/elisandria.fitness



(Entre em contato via facebook)
(Para Grupos de Corridas e caminhadas e Treinamento Funcional em Fortaleza-CE)

Ligar para (85)8715.7060-(85)9949.6299
(Massagem relaxante na Academia Pa-Kua ,Parque do Cocó,Fortaleza-Ce,com Massoterapeuta  Elisandria Mesquita)




ELISANDRIA MESQUITA
CREF. 004635-G/CE
Profissional de  Educação Física (Fortaleza)
Instrutora de Ginástica Laboral-SESI
Massoterapeuta
Elisandria@hotmail.com






Fontes de pesquisas:http://www.saudeemmovimento.com.br, http://cyberdiet.terra.com.br,http://www.brasilcostaverde.com.br

Compartilhe!

Para curtir!

Leia!!

Postagens Mais Lidas no BLOG

Marcadores

A Caminhada (1) A história da Maratona (1) A importância da Avaliação Física (1) A Maratona de São Silvestre (1) Academia x Personal (2) Adoçante vilão ou mocinho (1) Adoçantes (1) Alimentação e Água nos exercícios físicos (1) Alimentação nos Exercícios Prolongados (1) Alimentação nos treinos (1) Alimentação para atletas (1) Andar e ou Pedalar e benefícios (1) Aprenda a praticar CORRIDA com mais segurança e benefícios (1) Arbitragem em Atletismo (1) Atividade física para IDOSOS (1) Atividades Aeróbicas (1) Atividades Físicas (1) Avaliação Física (1) Avaliação Física em Domicílio (1) Avaliações Físicas (1) Bacia-Pélvis-Lombar (1) Badminton (1) Benefícios da massagem para IDOSOS (1) Benefícios do JUMP (1) Benefícios dos Exercícios Físicos (1) Bola Suíça (1) Calcule seu IMC agora (1) Caravana Petrobrás esporte e cidadania em Fortaleza (1) Ciclismo (1) Cistos de Baker (1) Como escolher o Personal Trainer?Personal Trainer (1) como passar em testes físicos para concursos (1) Como praticar a Caminhada (1) Como praticar Slick Line (1) Como surgiu o ciclismow (1) Concursos públicos (1) Condicionamento Físico (1) Congresso em Fortaleza-Ce (1) CONGRESSO OLIMPÍADA E CIDADANIA (2) Copa do mundo Fifa 2014 (1) Copa do mundo no Brasil (1) Core (1) Core Training o que é (1) Correr descalço ou calçado? (1) Correr na esteira ou ao ar LIVRE (1) Correr no calor (1) Corrida Consciente (1) Corrida e seus OBJETIVOS (1) Curso Olimpíada e Cidadania (1) De que são feitos os adoçantes (1) Dicas para Emagrecimento (1) Diferença entre Atividade e Exercício físico (1) Dor muscular (1) Dor muscular depois do exercício (1) Dry Fit (1) Esporte é inclusão social (1) esportes na 3ª Idade (1) Exercícios (1) Exercícios com HALTERES (1) Exercícios com halteres livres (1) Exercícios Físicos Conceito (1) Exercícios físicos livres (1) Fadiga muscular (1) Fifa (1) Fifa Fan Fest 2014 Fortaleza (1) Fit Ball (1) Fitas de Suspensão (1) Fitness Aquático (1) Fortalecimento dos Músculos (1) Functional Training (1) físicos com bola suiça (1) Garrafa de água nos treinos (1) Ginástica Laboral (2) Ginástica Laboral nas Empresas (1) Hidroginástica para idosos (1) Hidroginástica para todos.O que é Hidroginástica (1) Importância do Personal Trainer (2) INCLUSÃO SOCIAL (1) Intensidade de Corrida (1) Jogos Olímpicos (1) JUMP (1) Kranking (1) Lesão Meniscal (1) Licenciado ou Bacharelado?Sem restrições para atuar em E.F (1) Longevidade e Esportes (1) Massagem para IDOSOS (1) Massagem para pessoas da 3ª Idade (1) Massagem Relaxante Academia Pa Kua (1) Massagens com PEDRAS quentes (1) Medidinha Certa em Fortaleza (1) Meus Contatos (1) Mitos e verdades do Adoçante (1) O que é Badminton? (1) O que é coordenação motora? (1) O que é Fitness Aquático? (1) O que é FITNESS? (1) O que é Frisbee? (1) o que é Ginástica laboral?Surgimento da Ginástica Laboral (1) O que é MASSOTERAPIA (1) O que é Massoterapia?O que é massagem?Benefícios da massoterapia (1) O que é reabilitação? (1) O que é RPG? (1) O que é Rugby? (1) O que é sedentarismo (1) O que é SGA? (1) O que é Slack Line (1) O que é Treinamento Funcional (1) O que é Treinamento Funcional? Treinamento Funcional (1) O que é Treino CORE (1) O que é uma Avaliação físicas (1) O que é uma MARATONA?Maratona (1) Ofereço treinamento para concurso contacte-me (1) Patologias do Joelho (1) Personal Trainer (1) Personal Trainer ou Academia? (1) Pliometria (1) Porque ter um Personal Trainner? (1) Preparação para testes físicos (1) Qual é a importância da atividade física na terceira idade?Atividade física na 3ª idade (1) Quem é o Personal Trainer? (2) Randy Hetrick (1) Razões para praticar atividade física (1) Regras para CORRIDA saudável (1) Rendimento Físico (1) Rotinas da avaliação física (1) Roupas Esportivas (1) RPG e SGA (1) Rugby (1) SAF (1) Saúde (1) Sedentário (1) Seleção Brasileira (1) SESC (1) SESC ATIVO (1) Sesc-Ceará (1) SESI (1) SESI e REDE GLOBO medidinha certa (1) SESI e REDE Globo no esporte e cidadania (1) SESI esportes (1) SESI lazer (1) SESI produtos e serviços (1) Sesi-Atleta do Futuro (1) Slack Line (1) Supino (1) Supino com Barra (1) Tecidos Inteligentes (1) Terceira Idade e Esportes (1) Testes físicos para Concursos (1) Tipos de Bicicletas (1) Treinamento Contínuo (1) Treinamento de Força (1) Treinamento de força e condicionamento (2) Treinamento de Velocidade (1) Treinamento em Suspensão (1) Treinamento FARTLEK (1) Treinamento intervalado (1) Treinamentos para concurso (1) TRX (1) Vamos pular corda? (1) Veja exercícios com alteres livres (1) Vídeos (2) Água nos treinos (1)

Marcadores

 
 

Meus leitores no MUNDO

Arquivos do Blog